Caixa de Pássaros | Resenha

Caixa de Pássaros | Resenha

Oi Pessoalzinho, tudo bem? Hoje temos a primeira resenha de 2017 com um livro que conseguiu me surpreender a cada capítulo!
Vem comigo conhecer um pouco sobre a Caixa de Pássaros.

informacoes

Título: Caixa de Pássaros
Título Original: Bird Box
Autor: Josh Malerman
Ano: 2015
Editora: Intrínseca
Número de páginas: 272
Gênero: Contos de Terror, Ficção

“Quatro anos depois de tudo ter começado, restaram poucos sobreviventes, incluindo Malorie e seus dois filhos pequenos. Morando numa casa abandonada próxima ao rio, ela sonha há tempos em fugir para um local onde sua família possa ficar em segurança. Mas a jornada que tem pela frente será assustadora: 32 quilômetros rio abaixo em um barco a remo, vendada, contando apenas com a inteligência de Malorie e os ouvidos treinados das crianças. Uma decisão errada e eles morrem. E ainda há alguma coisa os seguindo. Será que é um homem, um animal ou uma criatura desconhecida?”

20170115_183944

Caixa de Pássaros estava na minha wish list desde abril do ano passado e em Novembro finalmente adquiri ele que pouco ficou na minha estante, pois desde que comecei a leitura ele foi comigo para todos os lugares! Eu realmente sentia vontade de ficar lendo ele a cada folguinha durante o dia, eu não conseguia parar de ler: precisava desesperadamente saber o que aconteceria no próximo capítulo!

Fiquei vidrada na história de Malorie, uma moça que há três semanas mudou-se para uma casa alugada junto com sua única irmã, Shannon. As duas estavam tendo um novo começo, longe dos pais, vivendo por conta delas mesmas, realmente uma vida de adulta. Malorie estava certa de que sua temporada de “adulta” havia vindo com tudo, pois desconfiava estar grávida; sabia que não era uma boa hora para ter um bebê, mas se sua desconfiança estivesse certa, ela iria ter que ligar e contar para os pais.
Mas a preocupação com o bebê ficou de lado diante de novos e estranhos acontecimentos noticiados ao redor do mundo: pessoas cometendo suicídios muito violentos e sem explicações.  

De início eram apenas notícias jogadas em redes sociais, mas com o passar dos dias elas passaram a ficar cada vez mais reais; automutilações, ataques à outras pessoas, assassinatos de pessoas próximas; tudo desencadeado por alguma coisa que essas pessoas viram e enlouqueceram por conta disso. Os jornais na televisão passaram a sugerir que as pessoas não saíssem de casa e cobrissem as janelas; estariam elas seguras dessa forma?

“Não há vizinhos nos quintais. Nenhum rosto nas janelas das outras casas. Um carro passa e Malorie não consegue ver o rosto do motorista. Ele o esconde com uma das mãos.”

O mundo tornou-se outro, não se sabe quantos sobreviventes existem, pois se existem, estão trancados em suas casas como Malorie, sem saber o que caminha do lado de fora da casa. Sair? Somente vendada. Fugir? Talvez não exista lugar seguro. Pedir socorro? Não existe mais ninguém.

Sobreviver nesse novo mundo é o maior desafio que Malorie, a Menina e o Garoto terão que enfrentar, pois as coisas não são mais como eram antes, absolutamente nada mais é. Lá fora não é seguro, por causa das criaturas. Criaturas ou monstros? Não há como saber, porque não se pode ver.

“Seja o que for – continua Tom -, nossas mentes não conseguem entender. Pelo que parece, as criaturas são como o infinito. Algo complexo demais para nossa cabeça. Sabe?”

Como lutar contra algo no escuro? Se você não pode ver, precisa aprender a ouvir! 

opiniao

A história de Malorie é realmente singular, diferente de tudo o que já li! Caixa de Pássaros provocou em mim sensações que eu nunca havia sentido ao ler um livro, e isso é sério mesmo! O livro me fisgou logo no primeiro capítulo, o que é raro acontecer, e então foi paixão na certa hahaha. Preciso dizer logo de cara que ele ficou na lista dos meus 10 livros mais incríveis e virou outro tesouro na estante!

A história contada por Malerman é envolvente, intrigante e de um jeito mágico consegue prender você do início ao fim, fazendo com que você fique imaginando o decorrer da história enquanto faz suas coisas no dia-a-dia. É um terror que não tem aqueles clichês de monstros e espíritos, ele tem um terror só dele!  É um título ótimo pra quem não gosta de ler terror sanguinário, mas quer sentir um arrepio com uma história diferente. Para mim, Caixa de Pássaros é um suspense fascinante! O livro nos deixa refletir sobre os acontecimentos de uma forma única e muito pessoal. É como se você estivesse ali, ao lado de Malorie e das crianças, remando no rio sem poder ver nada além do escuro; mas sentindo exatamente tudo o que eles sentem, porque sentir é a melhor experiência que esse livro vai te proporcionar, vai por mim, porque lidar com o medo do que você não pode ver e não sabe o que é, é muito mais aterrorizante.

fgdfgdgdfgEu indico esse livro para você que ama terror e suspense como eu e para você, que quer iniciar no gênero dos arrepios e e suspiros profundos! =)

Você teria coragem de tirar a venda? Me conta!

rodape_um-beijo

2 Comments
  1. Oi Nadi! Logo que começaram os rumores do lançamento desse livro por aqui fiquei fissurada em ler. Daí comecei a ver resenhas que me fizeram perder a empolgação, pessoal achou fraco. Mas agora lendo sua resenha, acredito que isso tenha acontecido por não se tratar de um “terror sanguinário”, como você mesma disse. Eu gosto muito de suspenses, então bati o martelo em dar uma chance pra esse leitura SIM! 🙂 hehehe Não lembro se você já leu o livro Três, aquele com a capa preta e três riscos vermelhos na frente? Se não, leia, acho que vc vai gostar!! Bjsss

    1. Oi Vivi, exatamente isso! Ele é um livro de suspense, não chega a ser terror, creio que por isso as pessoas se decepcionaram. Mas eu AMEI muito a história!
      Acho que vale a pena ler sim =)
      Mais uma dica tua anotada aqui hahaha
      um beijo!

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *