Cosplay na novela?

Cosplay na novela?

Oi Pessoal, tudo bem? No final de março uma emissora de televisão anunciou sua nova novela A Força do Querer, onde contara com um personagem chamado Yuri que, segundo eles, é “viciado em cosplay”. Opa, teremos um personagem representando o nosso tão amado hobby na televisão! Só que as coisas não serão tão ótimas assim.

Para nós, cosplayers, poder ter um personagem que represente todo o nosso amor e dedicação ao cosplay é maravilhoso! Só que o personagem Yuri, não vai ser bem como nós imaginávamos; segundo as matérias sobre a novela, o menino ” […]vive incorporando no seu dia a dia um figurino inspirado em personagens reais ou da ficção, como artistas e heróis de histórias em quadrinhos. Esse comportamento acaba provocando um grande conflito de geração com a mãe e o pai, que também se desesperam porque mesmo dentro de casa, Yuri só se comunica com eles por mensagem de celular.”
Fonte: Extra Globo TV

Oi?

Cosplayers não se vestem de seus personagens no dia-a-dia, pelo contrário! No dia-a-dia é quando estudamos e trabalhamos para poder manter o nosso amor por esse hobby, que não é algo barato não! Sendo que não somos pessoas com dificuldade de socialização, pois incorporar nossos personagens favoritos e interpretá-los ajuda e muito na comunicação. Na maioria das vezes utilizamos os nossos cosplays em eventos cheinhos de pessoas legais que compartilham dos mesmos gostos, fazendo com que conversas ótimas surjam nesses eventos, inclusive amizades bacanas são feitas também, pois existem cosplayer de todas as idades, gêneros, cores e amores; e cada um deles tem sempre algo para agregar em nossas vidas.

Fotos retiradas de www.pinterest.com

A Márcia, que é mestre em psicologia clínica, tem 38 anos, é casada e cosplayer, fala sobre a socialização no universo cosplay:

No meio cosplay e também no consultório, com os cosplayers que atendi, conheci pessoas que se sentiam discriminadas por serem deficientes físicas, deficientes mentais, pelo tom da pele, pelo peso, pela altura, pela opção sexual, todos se encontram, se reconhecem e se sentem melhor usando cosplay, fazendo amigos, namorando, vivendo, superando obstáculos, se tornando pessoas melhores, tudo isso numa sociedade que é muito preconceituosa! (retirado de www.maisdeoitomil.wordpress.com)

Por conta disso uma campanha #yurinaomerepresenta foi criada pela página CosPositivismo (acessa), para defender o ato de ser cosplayer e de mostrar como as coisas são de verdade. Ser cosplayer só nos faz bem! E isso é o que deveria ser retratado na novela, o quanto nos esforçamos e dedicamos o nosso tempo a esse hobby que tanto amamos, de verdade!

Ter um personagem cosplayer na novela tem tudo para fazer com que esse nosso hobby seja divulgado no país todo, fazendo com que as pessoas entendam e aprendem o quanto incrível é essa arte e o quanto faz bem a quem a pratica. Eu realmente espero que o personagem seja reformulado e que ele transmita a verdadeira essência do que fazemos.

O ato de ser cosplayer é o amor pelo universo nerd e nossos personagens favoritos! Nós usamos nossos cosplays para fugir da realidade por um pequeno momento, aquele momento em que podemos ser quem admiramos e respeitamos, porque fazer um cosplay é uma espécie de homenagem, é lindo!

E você, qual a sua opinião sobre a representação dos cosplayers na novela?

 

2 Comments
  1. Oi Nadi! Que bom te ver falar nesse tema pq eu fiquei com os dois pés atras quando saiu a notícia. Se continuar nesse sentido, a inclusão desse personagem na novela vai atrapalhar o entendimento das pessoas sobre o assunto, sem falar que, por ser um adolescente, vai inevitavelmente reforçar que é coisa de criança.
    Eu não faço cosplay só pq já tenho muitos hobbies e não sobra tempo nem grana – no momento. O futuro tá aí e como alguém que curte muito o universo geek, especialmente jogos, já tenho personagens que gostaria de ‘encarnar’ nem que fosse por um momento.
    Enfim tô de cara pq acho que vai ser uma droga essa “representação” incluída provavelmente por quem não entende bulhufas do assunto. =/ | http://www.vivanelemes.com

    1. Oi Vivi, sim, exatamente isso mesmo! Já é complicado para nós cosplayers explicarmos o que fazemos e que não é coisa de criança,
      imagina então isso sendo retratado na novela com um adolescente que tem dificuldades de socialização? É uma catástrofe!
      Espero de verdade que o personagem seja reformulado para que ele possa mostrar para as pessoas o que realmente é ser cosplayer,
      e que é um hobby tão saudável quanto qualquer outra coisa =)

      Ps: o dia em que tu quiser fazer teu primeiro cosplay, ficarei feliz em te ajudar <3
      um beijo!

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *