Não seja o porque de alguém | Setembro Amarelo

Não seja o porque de alguém | Setembro Amarelo

Oi pessoal, como estão? Hoje finalizamos o mês de setembro e com ele a campanha de prevenção ao suicídio que eu comentei aqui e nas minhas demais redes sociais. Por isso, em parceria com a página Reunindo Semeadores (curtam lá), o textinho a seguir foi criado para finalizar o Setembro Amarelo e conscientizar um pouco mais as pessoas sobre o quão incrível é o ato de amar e respeitar o próximo.

Acho que todos aqui já viram ou ouviram falar da produção da Netflix 13 Reasons Why, lançada em março deste ano. A série, mesmo tendo um roteiro voltado aos jovens, abordou temas importantes como bullying, machismo, violência e suicídio.

Este não é um texto sobre a série em si, e sim sobre o fato de não ser o porque de alguém

Suicídio é um tema doloroso, forte e ao mesmo tempo delicado; envolve muitos fatores que na maioria dos casos, são considerados supérfluos. Imagine você, sentir uma tristeza e uma dor tão grandes que na sua mente, a única forma de resolver isso é tirando a própria vida! Imaginou?

Você que está aí pode ajudar e muito, e você não precisa entender de doenças psicológicas para isso, só precisa respeitar e ter empatia pelo próximo. Nem todas as pessoas são iguais e pensam da mesma forma, e isso faz de cada uma única e linda do seu jeito.

Seja amigável, respeite as diferenças dos outros, aprenda a conviver com todas as cores desse mundinho! As vezes a pessoa que está do seu lado, está enfrentando um momento muito difícil e um simples sorriso seu pode mudar o dia dela de uma forma gigantesca. Procure entender que todos passamos por momentos tristes, complicados e cada ser humaninho reage de formas diferentes a esses problemas; você não é obrigado a concordar com ele, mas pode respeitar e acima de tudo, oferecer ajuda.

Não seja egoísta a ponto de rir dos problemas alheios, de zombar das características das outras pessoas, de se mostrar ausente para as pessoas que precisam de você. Sabemos o quão importante é ter alguém para abraçar, para contar as nossas angústias e tudo o que faz nosso coração doer.

Se você gosta de uma pessoa diga isso pra ela! Deixe ela saber que é importante pra você, seja da forma que for!

As vezes sentir-se amado e querido pode fazer uma pessoa perceber que “os porquês” dela podem ser transformados em força para continuar em frente e aprender devagarzinho, que o amor é um motivo e tanto para seguir vivendo.

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *